Santa Isabel de Portugal

Santa Isabel de Portugal

 

Nascimento: 1271
 

Morte: 1336
 

Função: Rainha de Portugal
 

Sinais da santidade: oração, serviço aos pobres, promoção da paz, fidelidade na vida conjugal e familiar...
 

Canonização: 1625
 

Exemplo para: mães, esposas, lideranças...
 

Dia de comemoração: 4 de julho (após a correção do calendário litúrgico, antes comemorava-se o dia 8, que era também o feriado no nosso município, a partir deste ano o feriado é junto com o dia da santa – 4 de julho).

 

Programação das celebrações na comunidade matriz: 4 de julho – Missa às 19 h, celebrações do tríduo – 5, 6,7 de julho às 19 h, 8 de julho (domingo) Missa solene – 10 h.

A paróquia quase sempre leva o nome da padroeira da matriz – a igreja mãe, que serve como centro da paróquia e sinal da unidade entre todas as comunidades do território da paróquia. Santa Isabel é portanto aquela que dá a identidade para nós – católicos da grande parte do município de Domingos Martins. Santa Isabel intercede por nós e nos mobiliza a caminharmos juntos como família paroquial, construindo o Reino de Deus a exemplo dela.


Acho sempre impressionante que os santos podem nos ensinar tanto – cada um pode olhar para o diferente aspecto da vida do santo(a) e encontrar algo digno de ser seguido. Certamente nos dias das celebrações da nossa padroeira, rezando e refletindo, vamos poder descobrir a riqueza que Deus por sua graça nos oferece através da vida de Santa Isabel. No momento vou salientar só uma coisa – a disponibilidade da santa, que aproveitou a sua posição real para fazer o bem, promover a paz, procurar a santidade. Para Isabel, ser Rainha não era um privilégio, mas sim, poder servir aos mais necessitados. Foi mais fácil ou mais difícil de viver o Evangelho sendo da alta sociedade? A resposta não importa muito. O que vale para nós hoje é conseguir como Santa Isabel disponibilizar ao Reino de Deus aquilo que de Deus recebemos nas nossas variadas situações da vida. O convite para nos engajarmos mais e melhor no serviço a Deus e aos irmãos na nossa paróquia, nas nossas comunidades, na nossa sociedade martinense, é sempre atual.


Santa Isabel, rogai por nós!

Pe. Miguel, SVD

 

mais...